7 dicas de investimento essenciais para quem quer abrir sua própria franquia

7 dicas de investimento essenciais para quem quer abrir sua própria franquia

Qual é o primeira etapa para comprar uma franquia? Muitas pessoas sonham em ter seu próprio negócio, mas não sabem por onde começam.

Buscar conhecimento é uma forma de diminuir os riscos e conhecer um pouco mais sobre o modelo de negócio, pois existem sites e cursos que ajudam a entender sobre o franchising.

De acordo com dados do balanço de 2014 da Associação Brasileira de Franchising (ABF), a taxa de mortalidade de empresas no sistema de franquias foi de 3,7%, sendo que o índice de mortalidade dos negócios tradicionais, segundo Sebrae, é de 24,9% em dois anos.

1. Faça uma autoanálise 

O empreendedor deve avaliar quais são os seus pontos fortes e quais são os fracos, para descobrir quais características podem agregar determinado tipo de negócio.

A franqueadora dá conhecimento e suporte. Mas o primeiro ano exige muita dedicação do franqueado e ele precisa saber se tem habilidade em venda ou sabe lidar com pressão, por exemplo.

2. Escolha o segmento ideal 

Basta gostar do produto ou serviço é um dos principais mitos que as pessoas acreditam. Por exemplo: Uma coisa é gostar de comida e outra coisa é estar no ramo alimentício, que vai exigir uma jornada de trabalho durante o final de semana ou a noite.

Uma boa recomendação é ir até uma franquia e observar a operação e ver como funciona. O franqueado tem que saber lidar em todas as frentes. Separa tudo que você não gosta, assim fica mais fácil de identificar o segmento que você quer.

3. Pesquise sobre as marcas

Uma vez definido o segmento que deseja atuar, o próximo passo é buscar as redes que estão em busca de franqueados. Veja quais são as marcas que estão dentro do valor que você tem para investir, pesquise sobre a marca a fundo e entre em contato com o franqueador para mais informações.

Nessa hora é recomendável analisar a estrutura da rede e a qualidade do suporte oferecido aos franqueados.

4. Planejamento financeiro

Todo empreendedor deveria ter uma reserva de capital por conta de imprevistos financeiros que podem acontecer quando você é dono de um negócio. Por mais planejada que seja a operação, é necessário saber quanto tempo ele consegue sobreviver sem retirar dinheiro da empresa, pois demora um pouco para atingir o ponto de equilíbrio.

5. Converse com outros franqueados

Para saber como é a rotina da operação de uma franquia é preciso escutar outros franqueados. Avalie se o suporte, os treinamentos, as responsabilidades e as expectativas são compatíveis com o que você quer.

6. Envolva a família

O apoio dos familiares do franqueado pode aumentar as chances do sucesso de uma franquia. O empreendedor precisa ter apoio da família para lidar com a rotina de ser um franqueado e não ser apenas um sonho e sim um sonho coletivo.

7. Busque ajuda

O auxílio de um consultor ou advogado pode ser necessário para analisar os documentos da franqueadora. Esse passo é fundamental para empreendedores que não estão seguros ou que temem assinar um contrato com dúvidas.

Essa decisão tem que ser muito racional e sem pressa, não pode ser por impulso, tem que conhecer as operações antes de investir.

 

Comments

comments

Home.Depil

This entry has 0 replies

Comments open

Leave a reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>